VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
Quatro Rodas

Álcool ou gasolina? Qual é melhor para trabalhar como motorista?

Se você trabalha como motorista — seja de táxi ou de aplicativos de transporte — o cuidado com o abastecimento do tanque é, definitivamente, uma preocupação constante. Para os profissionais que dependem sua renda dessa atividade, os gastos com combustível significam uma grande parcela dos custos que envolvem trabalhar nesse meio.

Portanto, uma alta nos preços do álcool ou da gasolina vai diretamente contra o objetivo de aumentar ganhos para o trabalhador, uma vez que ele não tem como, na maioria das vezes, repassar essa alta para os clientes.

E é justamente pensando nisso que preparamos este post pra você! Continue a leitura pra se informar melhor sobre o que compensa mais para o dia a dia do motorista: álcool ou gasolina?

Quais as diferenças entre álcool e gasolina?

A principal diferença entre esses combustíveis diz respeito a suas origens. Enquanto que o etanol — o tipo de álcool que é usado nos carros — tem origem vegetal (podendo ser produzido a partir de cana-de-açúcar, milho, beterraba, entre outros), a gasolina é um combustível fóssil derivado do petróleo.

No que diz respeito a desempenho, era comum acreditar que o álcool podia ser prejudicial para o carro e que se fazia necessário abastecer com gasolina pelo menos algumas vezes pra “limpar” o motor. Ou ainda, que o veículo se acostumava mais com um ou outro combustível, e que não era vantajoso ficar alternando entre eles.

Isso tudo não procede hoje em dia e as montadoras garantem que, em carros com motor flex, não há diferenças perceptíveis quanto à escolha de um ou outro.

Qual consome mais?

Em relação a gasolina, o etanol tem um rendimento inferior — variando entre 69% a 72%, dependendo do motor, segundo o Engenheiro do Inmetro, Fábio Real. Isso significa que, pra gerar uma mesma potência pra mover o automóvel, consome-se uma quantidade superior de álcool, em comparação com a gasolina.

Como calcular qual é o mais econômico?

Pra calcular qual compensa mais economicamente, basta observar a diferença de preços: essa tem que acompanhar, na mesma proporção, o rendimento dos combustíveis. Ou seja, o preço do álcool tem que ser até 70% do preço da gasolina.

Pra verificar essa condição, basta dividir o valor do litro do álcool pelo da gasolina. Se o resultado for menor que 0,7, então compensa mais abastecer com etanol. Se não for esse o caso, é mais recomendado optar pela gasolina.

Outro jeito fácil de fazer essa conta é multiplicando o preço da gasolina por 0,7. Se o resultado for maior que o preço do litro do álcool, então a opção pelo segundo é o mais indicado.

Um fator muito importante que também deve ser levado em consideração na variação de preço dos combustíveis é a região em que se encontra. Ao longo da extensão do território nacional, existe uma grande discrepância nos preços encontrados em postos de gasolina, variando bruscamente de estado pra estado.

Por isso, em algumas regiões do país compensa mais abastecer com álcool, enquanto que em outras regiões, a melhor opção é a gasolina. Basta seguir a nossa dica para cálculo do mais econômico.

Quais as vantagens e desvantagens de cada combustível?

Álcool

Desde a popularização dos motores flex no Brasil de uns anos pra cá, o álcool voltou a receber maior atenção na hora de abastecer o carro. Ainda mais se levar em consideração os constantes aumentos no preço da gasolina, chegando a bater cifras altíssimas. Vamos listar abaixo algumas vantagens e desvantagens desse tipo de combustível:

Gasolina

Foi por muito tempo a principal escolha do brasileiro pra abastecimento do tanque do automóvel. Confira agora alguns prós e contras do seu uso:

Afinal de contas, qual é o melhor combustível? A nossa intenção com este post é inteirar o motorista de todas as nuances envolvidas na escolha do álcool ou gasolina, porém, não há como apontar qual é o melhor absolutamente.

Como esclarecido ao longo do texto, são várias as considerações que devem ser feitas para a tomada de decisão.

Com o desenvolvimento da tecnologia, podemos ver cada vez mais a expansão da diversidade de fonte de combustível disponível pra automóveis, e quem sai ganhando com isso tudo é você, motorista. É sempre melhor contarmos com diversas opções pra que não fiquemos limitados a uma só alternativa.

Seja qual for a sua escolha, procure manter as boas práticas de direção no trânsito pra garantir o máximo de rendimento de seu automóvel. Evite acelerações e freadas bruscas, use marchas adequadas pra sua velocidade e faça as manutenções preventivas em dia.

E você, qual tipo de combustível costuma preferir? Deixe um comentário na página e compartilhe a sua opinião!

Compartilhe nas Redes Sociais!

Vida de Motorista

Comentários (0)
* Nome é obrigatório
* E-mail deve ser válido
* Comentário não deve ser vazio