VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
Quatro Rodas

Barulho no motor do carro: 8 problemas que ele pode indicar

Geralmente, quando se escuta um barulho estranho no motor do carro, não costuma ser sinal de coisa boa. Esses sons podem aparecer ao dar partida no veículo, liberar o pedal da embreagem ou, até mesmo, ao passar em lombadas ou buracos e não devem ser ignorados.

Primeiramente, deve-se identificar se os barulhos vindos da parte dianteira do carro realmente estão surgindo do motor, pois pode ser também um problema na suspensão. Quando é esse o caso, os ruídos são mais descontínuos.

O motor de um automóvel é o seu componente principal, é o que faz dele um meio de transporte de fato. Sem ele, o carro seria apenas uma carcaça pesada e imóvel. Portanto, é de extrema importância que você cuide muito bem desse elemento vital. Pra isso, confira agora alguns problemas que esses barulhos podem indicar, e saiba o que fazer pra evitar maiores danos!

1. Tensão da correia dentada

Uma causa muito comum de barulho no motor é a perda de tensão da correia dentada. Sua função básica é manter em sincronia o virabrequim e o comando das válvulas e, quando há o travamento ou quebra de um tensor da correia, pode haver danos ao cabeçote e outras peças do motor e esse tipo de conserto sempre custa caro.

Procure fazer uma inspeção visual nesse componente a cada 15 mil km pelo menos, atentando para a ocorrência de rachaduras ou trincas na correia que podem ser sinais de ressecamento da borracha. Outro fator a se considerar é que carros que transitam em locais com muita poeira ou lama podem ter o desgaste acelerado, já que a sujeira fica impregnada no sistema.

Fique atento também a vazamentos de óleo, pois quando atinge a peça, ela pode ressecar e quebrar. Verifique as correias com o motor desligado e frio, pois, dessa forma, você evita possíveis queimaduras ou ferimentos.

2. Bomba d’água

A bomba d’água é um componente que atua no sistema de arrefecimento de motores à combustão interna, e é responsável pelo resfriamento do motor do carro de forma a evitar o seu superaquecimento. Geralmente o barulho originado por essa peça aparece acompanhado de vazamento, e o seu conserto depende apenas da troca do componente.

3. Problema no cabeçote ou bronzinas

O barulho que surge no motor ao dar a partida a frio (após o carro passar uma noite parado, por exemplo) geralmente sugere problemas no cabeçote ou nas bronzinas. Nesse tipo de situação, é comum utilizar a expressão “o motor está batendo na partida”.

Nesse caso, é importante procurar imediatamente um mecânico qualificado e de confiança pra que seja realizado o correto diagnóstico do problema.

4. Embreagens mal ajustadas

Problemas referentes à embreagem costumam se manifestar por meio da emissão de ruídos ao liberar o pedal numa troca de marchas. Isso pode significar um desgaste do seu eixo ou rolamento, demandando a substituição dessas peças. Aproveite pra trocar também disco e platô nessa situação, pois o custo de mão de obra para esse serviço não é barato.

5. Falta de água no radiador

Esse é outro problema que pode resultar no aquecimento do motor o que pode levar à sua fundição. Pra evitá-lo, basta checar o nível de água com regularidade e ficar atento ao termômetro no painel. Realize também a limpeza do sistema: retire o radiador e o reservatório de água do local e lave-os com os produtos específicos para esse fim.

6. Motor fundido

Com certeza é o pior dos problemas que você pode ter. A fundição do motor significa a completa inoperância da parte mais importante do seu veículo e, na maioria dos casos, é necessário fazer sua troca completa que é um dos maiores gastos que você pode ter ao realizar um conserto.

Um forte indício de que o motor está fundido é quando se tenta dar partida e ele não trabalha, apenas faz barulhos de peças batendo umas nas outras. Caso não esteja conseguindo ligar, não insista: isso pode causar superaquecimento dos fios e fazer com que comecem a soltar fumaça.

Um dos principais motivos que causam a fundição é a falta de óleo, pois, se estiver em quantidade escassa, não será possível a lubrificação do motor e nem o auxílio na regulagem de temperatura.

7. Suporte do motor quebrado

Dependendo do modelo do seu carro, o motor pode possuir o suporte de três ou quatro coxins espécie de “almofada” que tem a função de acomodá-lo e absorver suas vibrações. Passar por buracos ou lombadas em alta velocidade com frequência pode ocasionar a quebra desses suportes que, quando estão danificados, emitem um ruído grave.

A verificação do problema pode ser feita por inspeção visual, checando o motor, ou causando a torção do coxim ao puxar o freio de mão e tentar mover o carro nessa condição.

8. Bomba de direção hidráulica

O barulho no motor causado pela bomba de direção hidráulica pode variar de intensidade ao esterçar o volante e, geralmente, tem um aspecto semelhante a assobios agudos.

Alguns modelos de bombas permitem a troca de peças internas, mas, em outros, esse componente é selado e não é possível realizar nenhum tipo de reparo, sendo necessária a sua substituição.

Algumas vezes, simples funções podem se mostrar ser bastante desafiadoras  ser motorista, por exemplo. Devemos sempre procurar nos informar o máximo possível sobre o funcionamento do carro que dirigimos pra evitar ser pego de surpresa.

Um instrumento que pode ajudar muito na identificação da origem de um barulho vindo do motor é o estetoscópio mecânico: ele funciona de forma similar ao estetoscópio utilizado por médicos, porém tem a ponta no formato de agulha. Pra utilizá-lo, basta posicionar essa ponta na base da peça onde se deseja ouvir o ruído.

Isso não significa que não há necessidade de buscar o parecer de um mecânico muito pelo contrário! É muito importante que, sempre que aparecer algum tipo barulho no motor do carro, procure-se um especialista pra que seja feito um diagnóstico definitivo e mais completo sobre a situação.

Quer ficar por dentro de outras dicas pra se tornar um motorista mais completo? Continue no blog e acesse nosso post sobre como economizar gasolina no dia a dia!

Compartilhe nas Redes Sociais!

Vida de Motorista

Comentários (0)
* Nome é obrigatório
* E-mail deve ser válido
* Comentário não deve ser vazio