VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
Quatro Rodas

Os 5 melhores carros usados de 2020: prós e contras

Com os aplicativos de mobilidade trazendo novas oportunidades para alcançar a liberdade financeira, o mercado de venda de veículos conta com muitos profissionais buscando os melhores carros usados para trabalhar.

E sair por aí sem nenhum conhecimento sobre carro pode resultar em algumas frustrações, não é verdade?

Mas fique calmo, pois para tornar essa procura muito mais fácil, preparamos este artigo com dicas sobre o que fazer na hora de comprar um modelo usado, além de uma lista dos melhores carros usados para trabalhar em 2020. 

E aí, ficou mais tranquilo ao saber disso? Então continue com gente e confira.

Boa leitura!

O que analisar na hora de comprar carros usados? 

Ao iniciar a sua busca é necessário conhecer alguns dos melhores carros usados, certo? Porém, não podemos deixar de te contar que essa procura pode apresentar algumas armadilhas, infelizmente. 

E sem a devida atenção, o risco de adquirir uma dor de cabeça é muito maior, e queremos evitar isso! Por isso, conheça as nossas dicas para não errar na hora de comprar os melhores carros usados deste ano.

Conte com um profissional especializado

Caso seja o seu primeiro veículo ou você quase não tem conhecimento sobre o funcionamento de um, é interessante pedir a ajuda de um profissional. 

Em oficinas mecânicas existem especialistas que se colocam à disposição para realizar esse tipo de serviço, é normal que alguns cobrem por isso, mas o valor não é nada absurdo. Ufa!

É importante que você conte com alguém experiente para que os pequenos detalhes não passem despercebidos.

Sempre desconfie de preços baixos demais

Estar atento aos valores mensurados aos melhores carros usados te ajudará a realizar uma compra segura e satisfatória.

É importante saber que mesmo não sendo carros novos, são os melhores carros usados que você está buscando, e por isso, é normal que o preço seja um pouco mais caro, mas nada exagerado. Ok?

Você já ouviu o ditado que diz: “Quando a esmola é demais o santo desconfia!”? Essa expressão popular é um alerta para o fato de que ofertas muito generosas podem esconder algo.

O valor baixo pode, por vezes, ser devido ao dono estar passando por uma situação pontual, como dificuldade financeira ou mudança. Mas procure estar bem informado sempre, você pode consultar a tabela Fipe, por exemplo, e ficar por dentro dos preços médios dos veículos.  É uma ótima idéia para ficar atrás! 

Às vezes, o barato sai caro e por isso nos preocupamos tanto com essa parte do processo.

Confira a documentação do veículo

Não é segredo que para manter um carro nos trinques é preciso pagar todas as taxas obrigatórias em dia. Todavia, o que você pode não saber é se as informações passadas pelo atual proprietário são verdadeiras.

Muitas vezes, a fim de garantir a venda, o proprietário informa que a documentação está quitada com o comprador, precisando apenas se preocupar com a transferência. 

Mas, como se trata de uma negociação, você não deve se limitar a palavra do vendedor. Por isso, certifique-se que ao analisar os melhores carros usados, você garanta o ideal.

Para verificação dos documentos do automóvel, se atente:

Para confirmar se o documento é equivalente ao carro apresentado é necessário checar o número do chassi. Não se esqueça de checar essa parte também, certo?

O chassi é uma sequência que, geralmente, se encontra no bloco do motor e em outras partes, como vidros e carroceria. O número descrito deve ser o mesmo que consta no documento.

Concretizar a compra somente com segurança

Quando a gente quer muito alguma coisa, é normal nos precipitarmos e errarmos com coisas simples. Afinal, não é incomum assistirmos reportagens de pessoas que caíram em golpes porque compraram veículos online, por exemplo.

A busca até pode ser feita pela internet, mas é muito importante que aconteça um encontro presencial, assim você poderá analisar o carro e também os documentos. Caso o vendedor não demonstre boa vontade em apresentar o veículo, desconfie e siga para outra oferta.

Esse é o momento para se lembrar de uma dica dada alí em cima, sobre contar com um profissional, lembra?

Faça a transferência o mais rápido possível

Depois de escolher e comprar um dos melhores carros usados, você terá 30 dias para fazer a transferência. Lembre-se que o veículo pode ser a sua ferramenta de trabalho, por isso é preciso mantê-lo sempre regularizado.

Ao adiar essa obrigatoriedade, você corre o risco de passar por alguma emergência e estar sem regularização. O preço? Multa e pontos na carteira, além de ter o carro apreendido. 

Melhor evitarmos, né?

Quais os melhores carros usados para 2020?

Fique de olhos em quais são os melhores carros usados mais próximos a 2020. Confira se o automóvel cumpre as regras do app da sua cidade.

Seguindo todas as dicas apresentadas, você estará pronto para comprar os melhores carros usados do mercado atual, escolhendo o mais adequado para o seu trabalho. Por isso, separamos uma lista com as melhores opções:

1. Renault Logan 2011

Este modelo não poderia faltar na nossa lista com os melhores carros usados, isso porque ele é o queridinho dos apps. 

Por ser espaçoso, forte e econômico, o Renault Logan é um dos veículos mais bem avaliados por profissionais que trabalham diariamente atrás do volante.

Um modelo 2011 é uma ótima opção para os motoristas que desejam rodar por aplicativos em cidades que aceitam carros a partir de 2008 ou 2009. Em média, um Logan com esse ano de fabricação sai entre R$ 17 mil e R$ 20 mil.

Um valor interessante para um carro com beleza interna chamativa, poltronas confortáveis e um porta-malas generoso. 

2. Chevrolet Corsa 2011

O Corsa é tido por muitas pessoas como um dos carros populares mais bonitos. Mas não é só por sua beleza que o veículo figura entre os melhores carros usados de 2020.

A versão hatch é um automóvel de boa dirigibilidade, fácil de estacionar e de tamanho compacto. Sendo de 2011, ele também é perfeito para trabalhar com aplicativos em diferentes lugares do país. O modelo apresenta ar-condicionado e som regulares. 

Em média, você encontra o Corsa entre R$ 16 mil e R$ 20 mil.

3. Chevrolet Cruze LTZ 2016

Se você é um apaixonado pela Chevrolet, mas busca uma opção mais recente entre os melhores carros usados, o Chevrolet Cruze LTZ 2016 pode ser a saída ideal. Em termos de conforto e eficiência, o nível de ganho é muito alto.

O motor aqui é de 16v e com 1.8 de potência – sendo o consumo de combustível um fator a se considerar. Já o câmbio é automático e oferece 6 marchas para o motorista. 

A boa notícia é que, ainda que seja bem equipado, o modelo 2016 já se enquadra como carro usado, abrindo boas possibilidades para uma compra mais barata. 

O automóvel ainda conta com 6 airbags, bancos de couro, central multimídia e até mesmo teto solar. Todo esse conforto você encontra entre R$ 50 mil e R$ 62 mil, ou seja, é um modelo um pouco mais caro.

4. VW Jetta Comfortline 2016

Outra ótima opção para quem deseja permanecer entre os melhores carros usados fabricados em 2016, é o VW Jetta Comfortline. Assim como o Cruze, não se trata de um veículo popular, mas sim de um equipamento que traz diferenciais interessantes para motoristas e passageiros.

O motor é 1.4 e o câmbio também é automático com 6 marchas. O desempenho é extremamente interessante, tanto dentro da cidade quanto na estrada. Mas não para por aí, o carro ainda conta com:

Os airbags se concentram na frente e nos bancos traseiros, só deixando as laterais sem o diferencial de proteção. Em média, o modelo de 2016 é encontrado por de R$ 70.000 – o valor pode ser uma desvantagem para o futuro proprietário.

5. Renault Fluence Privilege 2017

O Renault Fluence Privilege 2017 está no momento de transição entre seminovo e usado, deivo a quase ultrapassar 3 anos de fabricação.

Mas, se o objetivo é trazer uma experiência completa para os seus futuros passageiros, a compra desse modelo deve ser analisada. Da nossa lista com os melhores carros usados ele é o que oferece mais itens:

Mas, assim como o Jetta, o preço é o principal ponto de preocupação para quem pretende adquirir o veículo –  ele custa em cerca de R$ 66.000.

Por isso, você deve estabelecer seus objetivos. Se te perguntarem se vale a pena comprar um carro desse modelo, você concorda?

Quais os outros caminhos para adquirir um carro de aplicativo?

Existem diversas  formas de adquirir um automóvel, dentre elas, garantir um dos melhores carros usados da época através de uma compra segura. No entanto é possível locar e também financiar um carro.

Caso você não tenha se identificado com nenhum exemplo da nossa lista dos melhores carros usados, mas ainda deseja trabalhar como motorista de aplicativo, pode ficar tranquilo, pois há outras saídas. Dentre elas:

Fica a livre escolha!

O importante é ser cauteloso na hora da negociação e adquirir o veículo que se adequa bem ao seu perfil e corresponda a todas as exigências do aplicativo para a sua localidade. Depois disso, é só faturar  😉 Gostou desse conteúdo? Para saber mais sobre como é a rotina de um motorista de app e muito mais, confira os demais conteúdos do nosso blog e fique experiente no assunto.

Compartilhe nas Redes Sociais!

Vida de Motorista

Comentários (0)
* Nome é obrigatório
* E-mail deve ser válido
* Comentário não deve ser vazio