VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
VIDA DE MOTORISTA
Quatro Rodas

Gastos para manutenção de carro: saiba como reduzir

Apesar de todo o conforto e toda a praticidade que um veículo proporciona, quem depende dele pra trabalhar certamente sofre com a alta no preço do combustível e os gastos para manutenção de carro. Apesar disso, alguns cuidados podem ser tomados a fim de reduzir esse custo e transformar essa economia em lucro com o passar do tempo.

No post a seguir, vamos apresentar medidas que podem ser praticadas no dia a dia do condutor e, quando aplicadas de maneira correta, trazem benefícios ao automóvel, tais como: prolongar a sua vida útil, melhorar o rendimento e dar uma aliviada no bolso. Para saber como obter essa economia, continue a sua leitura!

Tenha cuidado com os freios

Um bom funcionamento do sistema de frenagem do automóvel é essencial pra segurança do motorista e dos passageiros que utilizam o veículo. Mantê-los sempre em dia é uma boa maneira de economizar com os gastos.

Pra isso, você pode realizar alguns processos preventivos que exigirão menos do sistema. Por exemplo:

Examine o filtro de ar

Responsável por filtrar as impurezas do ar usado na combustão, o filtro também necessita de alguns cuidados, com o intuito de manter a sua integridade e o seu perfeito funcionamento pelo maior tempo possível.

Pra evitar o seu desgaste, é importante estar sempre de olho e realizar as checagens necessárias, otimizando o seu desempenho. Observe componentes, como as mangueiras e as conexões, e verifique se as vedações estão bem aplicadas. Em caso de locais com grande circulação de poeira, uma boa maneira de preservar os filtros é instalando equipamentos que auxiliam na pré-filtragem.

Reutilizar os filtros pode acarretar problemas ao componente e trazer outros tipos de prejuízos, danificando outras peças do motor. Por isso, dê preferência à troca (a cada 10 mil quilômetros), em vez da limpeza dos filtros.

Cheque o óleo

O óleo do motor tem papel fundamental pro funcionamento do veículo. Ele tem a função de lubrificar, limpar e refrigerar o motor — evitando a sua fusão interna. Se negligenciado, traz problemas graves ao automóvel e a certeza de um custo alto em seu reparo. Pra evitar esse transtorno, é de grande importância que o condutor fique atento a alguns pontos determinantes referentes ao seu cuidado.

Verifique o nível do óleo, pelo menos, uma vez na semana. Esse procedimento deve ser feito com o motor frio, de preferência pela manhã (antes de sair com o carro) e em uma superfície o mais regular possível. A quantidade deve estar entre a marcação “Mín. e Máx.”, indicados na vareta presente no reservatório.

Caso o nível esteja acima do limite, pode ser uma indicação de óleo em excesso. Isso acaba danificando as velas do veículo. Outra hipótese é a presença de água no reservatório. Nesse tipo de situação, não dê a partida e acione um mecânico a fim de realizar a troca do produto.

No cenário contrário (abaixo do nível indicado), o motorista deve providenciar a reposição com óleo idêntico ao já existente no compartimento.

Siga atentamente as recomendações da fabricante com relação à troca do lubrificante e do filtro. Dê preferência a composições sugeridas no manual ou de qualidade superior. A substituição do filtro deve ser feita geralmente a cada duas trocas de óleo.

Verifique o filtro de combustível

Responsável por proteger o sistema de injeção contra água, partículas prejudiciais e outras impurezas mandadas ao tanque pelo etanol ou pela gasolina, o filtro de combustível também requer cuidados pra preservar a sua integridade e garantir o seu bom funcionamento.

O condutor deve verificar regularmente se o filtro está entupido, o que pode influenciar na mistura de ar com o combustível e, consequentemente, no seu consumo. Além disso, a sua troca deve ser feita, geralmente, entre 10 e 15 mil quilômetros rodados. Não se esqueça de consultar o manual do veículo para obter informações mais precisas e detalhadas.

Preste atenção ao sistema de arrefecimento

Assim como todos os outros sistemas do carro, o de arrefecimento é fundamental pro funcionamento do veículo. Ele controla a temperatura do motor — que deve ser mantida por volta de 90ºC. A falta de cuidados com esse sistema pode acarretar prejuízos financeiros muito grandes, devido ao risco de perda total do motor.

Alguns componentes devem ser verificados regularmente, tais como: bomba de água, sensor de temperatura, ventoinha, mangueiras, radiador e válvula termostática. Se você não tem o conhecimento necessário pra identificar essas peças, leve a um mecânico e ele realizará tais verificações. Isso pode gerar um gasto inicial, porém, bem menor se comparado à retificação do motor.

Um cuidado essencial e que não depende de mão de obra especializada é sempre checar o nível de água presente no reservatório de refrigeração, mantendo sempre entre os valores indicados no compartimento. Fique alerta também a qualquer sinalização no painel referente a esse sistema. Caso note qualquer sinal de superaquecimento, desligue o automóvel imediatamente e busque auxílio especializado.

Mantenha a calibragem e o alinhamento em dia

Uma das prevenções que podem gerar uma boa economia está no modo como o condutor cuida dos pneus e das rodas do carro. Quando estão calibrados de maneira correta, podem estender a vida útil dos pneus, fazendo-os durar até 50 mil quilômetros.

Procure seguir a indicação de calibragem apresentada no manual do veículo e realize o rodízio a cada 10 mil quilômetros. É de extrema importância realizar também, a cada seis meses, o alinhamento das rodas de direção, evitando o desgaste prematuro das borrachas.

Economize dirigindo

A forma como o condutor dirige o automóvel pode influenciar bastante na economia de modo geral. Atitudes defensivas que podem ser tomadas ao volante geram uma prevenção dos componentes, reduzindo a necessidade de manutenções corretivas e impactando positivamente no bolso. Além disso, dirigir de maneira consciente permite ao motorista economizar combustível. Alguns desses cuidados são:

Viu como seguir alguns passos e tomar cuidados pontuais pode trazer uma boa economia nos gastos para manutenção de carro? Adquirindo o conhecimento certo e seguindo à risca essas dicas, você pode conseguir uma redução de custos considerável no orçamento, além de se prevenir de possíveis acidentes ou transtornos causados por defeitos enquanto dirige.

O que achou deste artigo? Compartilhe o conteúdo em suas redes sociais e leve esse conhecimento para mais pessoas!

Compartilhe nas Redes Sociais!

Vida de Motorista

Comentários (2)
* Nome é obrigatório
* E-mail deve ser válido
* Comentário não deve ser vazio
  • Gilton soares batista

    Concordo plenamente!!!

    Responder

  • Jairo Pereira Ferreira

    Bom dia. Por isso vi avisa que este app. Está chamando para busca passageiro longa por 15 ou 20 minutos.. e depois pra viagem em destino curta. Isso é muito gasto.. em São Luís é um lugar cheio de buraco e quebra as suspensão e gasto dos combustíveis.. antes de ir buscar mando as mensagens por cliente. As maioria não responde. Recomendo não ir para o local.. eu sofre muito para busca os passageiros longa e perdi lucro por motorista... Estou dando por um tempo de corrida na 99.. preciso que isso conserte.... Aconteceu ontem por busca dos passageiros longa por 25 min.. eu acho devido app o erro.. obrigado pela atenção

    Responder